Comente

Mudando de assunto...

Moda não-binária: panorama histórico contextualiza tendência

Unfashion

Códigos sociais representados pelas roupas estão rompidos com a ascenção do não-binarismo de gênero na moda. Mesmo que existam milhas de distância entre a fantasia da passarela e a realidade das lojas, varejistas começam a tomar atitudes para aproximar-se desta tendência. Enquanto a velha indústria procura caminhos, marcas underground e novos designers protagonizam a evolução.

A guerra contemporânea contra o estresse

Quiet Bliss

Em um mundo acostumado a operar em um ritmo inalcançável, produtos e serviços passam a ter o desafio de reduzir os excessos que cercam seus consumidores, reconhecendo o estresse como o inimigo invisível da vida moderna. O alívio vem em forma de breaks digitais e experiências que dão importância às pausas e ao alívio dos espaços revitalizantes.

Um novo tipo de moeda: a economia da emoção

Microeconomias

Conforme a análise de dados e a inteligência artificial evoluem para além do rastreamento de respostas para as perguntas mais básicas (Quem? O quê? Quando? Onde?), a computação afetiva continuará a ganhar espaço. Os consumidores em breve vão estar lidando com um afluxo de assistentes inteligentes e emotivos que vão revolucionar a forma como interagimos com a tecnologia. A era da emoção está prestes a transformar tudo o que entendemos sobre a relação homem/máquina.